EVANGELIZANDO

Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Serra Branca-PB. Semeando a Palavra e colhendo frutos para o Reino de Deus. Bem Vindo (a)! Deixe o seu comentário!

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

SÃ DOUTRINA


DOUTRINA DE HOMENS NÃO SALVA, MAS LEVA PARA O INFERNO


Ora, como recebestes Cristo Jesus, o Senhor, assim andai nele, nele radicados, e edificados, e confirmados na fé, tal como fostes instruídos, crescendo em ações de graças. Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo; porquanto, nele, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade. Também, nele, estais aperfeiçoados. Ele é o cabeça de todo principado e potestade. Ninguém, pois, vos julgue por causa de comida e bebida, ou dia de festa, ou lua nova, ou sábados, porque tudo isso tem sido sombra das coisas que haviam de vir; porém o corpo é de Cristo. Ninguém se faça árbitro contra vós outros, pretextando humildade e culto dos anjos, baseando-se em visões, enfatuado, sem motivo algum, na sua mente carnal, e não retendo a cabeça, da qual todo o corpo, suprido e bem vinculado por suas juntas e ligamentos, cresce o crescimento que procede de Deus.
Colossenses 2: 6 – 10 e 16 – 19
Todo esforço humano que o homem faz para merecer a salvação é uma Doutrina de Homens. Há milhares de anos vem se buscando a salvação através do seu próprio merecimento. Mesmo nos dias atuais, havendo já a revelação completa de Deus para a Salvação da humanidade, existem bilhões de pessoas que querem merecer a salvação e por isso se autoflagelam para perdão de seus pecados, sobem escadarias de joelhos, carregam cruzes por quilômetros, tentam ser “boazinhas” para serem salvas, observam rígida moral de conduta e assim por diante.
Diante da Doutrina dos Homens, a Doutrina de Deus para Salvação é tão simples que o ser humano não consegue acreditar. Ela diz o seguinte: Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; Efésios 2:8.
Mesmo entre o povo que se dizem “cristãos” há um grande número de pessoas que ainda não se libertaram do conceito humano de “merecer a salvação” e por isso se tornam presas fáceis de doutrinas de homens e fazem uma série se sacrifícios, levando uma vida cristã triste, subalterna, sobrecarregada e tudo isso imposta pelos homens. São tantos preceitos e regras, que o crente fica completamente sufocado e acaba se frustrando com o próprio Deus. Quando uma pessoa começa a obedecer aos mandamentos estabelecidos pela religião ela acha que, com isto, estão servindo a Deus. Principalmente os novos convertidos, por não conhecerem completamente a graça de Deus e estando possuídos por um sincero desejo de santificação, são encadeados pelos “Doutrinadores”, que os sobrecarregam com uma série de ordenanças. Assim, pois, a palavra do SENHOR lhes será preceito sobre preceito, preceito e mais preceito; regra sobre regra, regra e mais regra; um pouco aqui, um pouco ali; para que vão, e caiam para trás, e se quebrantem, se enlacem, e sejam presos. Isaías 28:13. Paulo, alertando a Igreja Cristã contra as Doutrinas dos homens, escreveu: Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo; Se morrestes com Cristo para os rudimentos do mundo, por que, como se vivêsseis no mundo, vos sujeitais a ordenanças: não manuseies isto, não proves aquilo, não toques aquiloutro, segundo os preceitos e doutrinas dos homens? Colossenses 2:8, 20, 21 e 22a.
Vamos distinguir, dentro da Palavra de Deus, o que é Doutrina dos Homens e, através da Verdade, livrar-se de todo o jugo humano. A roupa tem alguma coisa a ver com a salvação? O homem que pensa sim. Deus, não. Porque quando Deus criou o homem e a mulher, ambos andavam nus e eram visitados diariamente por Deus. Quando o homem pecou e ouviu a voz de Deus no jardim, ele se escondeu e quando Deus lhe perguntou por quê, o homem respondeu que estava nu. Ora, Deus nunca deixou de visitar o homem e de ter comunhão com ele porque estava nu. Mas agora é o homem que está achando que não pode mais ter comunhão com Deus por causa da nudez. Perceba aí a entrada do pensamento humano e o surgimento da Doutrina de Homens. É como se Adão estivesse dizendo para Deus: “Senhor, a partir de agora, para falar com o Senhor, só se eu estiver vestido”. Nos dias de hoje, muitos estão se comportando como Adão, estabelecendo normas para ter comunhão com Deus. Muitos dizem: “Para ter a Salvação e comunhão com Deus e o Espírito Santo, a mulher não pode usar calça comprida”. Ou, então: “O homem para falar com Deus tem que estar de terno e gravata”. Ou que a mulher, para poder orar a Deus, tem que usar véu. Paulo escreveu a Doutrina dos Homens: Pois que todas estas coisas, com o uso, se destroem. Colossenses 2:22b.
Fazendo uma análise da história da igreja, descobri que em 1958, todos os homens crentes tinham que usar chapéu para serem salvos, porque era a “doutrina da igreja”. Um pastor dizia que seu pai, conta que o seu irmão, na época diácono da igreja, foi excluído porque não queria usar chapéu. Este homem foi embora com os americanos que estavam evangelizando o Brasil e não se desviou do Evangelho. Porém, muitos outros, excluídos pelo mesmo motivo, ao invés de irem para outra igreja cristã, entristecidos, desviaram-se para o mundo e morreram sem Deus e sem salvação. Hoje, nenhum cristão, de qualquer igreja, usa chapéu. Será que Deus mudou de idéia? Antes, para que o Homem pudesse ir para o Céu tinha que usar chapéu. E agora? Não Deus nunca mudou de idéia. O homem, sim. Hoje nenhuma igreja cristã exige que seus membros usem chapéu, porque esta Doutrina dos homens pereceu pelo uso. Pois todas estas coisas, com o uso, se destroem. Colossenses 2:22b.
E quando se fala que a mulher não pode usar calça comprida, porque se ela usar não vai para o céu. O único texto bíblico que fala de roupa de homem e de mulher, que contém uma proibição,e que os pregadores de “Doutrinas” usam muito, está no Antigo Testamento, em Deuteronômio 22:5 A mulher não usará roupa de homem, nem o homem, veste peculiar à mulher; porque qualquer que faz tais coisas é abominável ao SENHOR, teu Deus. Preste atenção que o texto não está falando de calça comprida em nenhum lugar. E nem poderia porque este versículo foi escrito por Moisés em 1405 A.C. e, naquela época não existia calça comprida. A calça comprida só surgiu na França, no final do século XIX. Então, do que o versículo acima está falando? Ele está falando de vestido. Porque, naquela época, tanto o homem quanto a mulher usavam vestidos! O próprio Senhor Jesus usava vestido. Os soldados, pois, quando crucificaram Jesus, tomaram-lhe as vestes e fizeram quatro partes, para cada soldado uma parte; e pegaram também a túnica. A túnica, porém, era sem costura, toda tecida de alto a baixo. João 19:23. E mesmo depois de glorificado, Jesus é descrito por João como “vestidos até os pés de um vestido comprido”. Apocalipse 1:13 No meio deles estava um ser parecido com um homem, vestindo uma roupa que chegava até os pés e com uma faixa de ouro em volta do peito (BLH). E o livro de apocalipse nos revela que, os salvos usarão vestidos. Apocalipse 7:9 Depois destas coisas, vi, e eis grande multidão que ninguém podia enumerar, de todas as nações, tribos, povos e línguas, em pé diante do trono e diante do Cordeiro, vestidos de vestiduras brancas, com palmas nas mãos.
Em nossos dias, há diferença entre a calça comprida usada pelo homem e a calça comprida usada pela mulher. Apesar de parecidas, não são iguais. Usar calça comprida não é abominação para a mulher, porque o seu modelo é feminino e a mulher não está querendo se passar por homem. Na Escócia os homens usam saias e na África eles usam vestidos e não é por causa disto que os cristãos escoceses e africanos irão para o inferno. Compreendeu a diferença? Se fosse para nos vestirmos conforme os costumes bíblicos, então todos os pregadores de doutrinas de roupas estão fora da “Doutrina” e deveriam andar vestidos, pois ternos e gravatas não existiam naquela época. Tem muita gente guardando a tradição e a doutrina da “igreja” e se esquecendo da Palavra de Deus. invalidando a palavra de Deus pela vossa própria tradição, que vós mesmos transmitistes; e fazeis muitas outras coisas semelhantes. Marcos 7:13.
Será que uma mulher cristã não pode mais cortar o cabelo? O texto que fala sobre o tamanho do cabelo da mulher está em 1 Coríntios 11:15 Mas ter a mulher cabelo crescido lhe é honroso, porque o cabelo lhe foi dado em lugar de véu. Veja que Paulo fala de honra e não de salvação. A mulher não depende do tamanho do cabelo para se salvar. O Antigo Testamento, que era a Bíblia de Paulo, permite ao homem e a mulher fazerem votos de narizeu, e neste voto, homens e mulheres decidem o período que querem ficar sem cortar o cabelo e, no final do período, raspam completamente a cabeça. Paulo em duas ocasiões, raspou a cabeça por causa de voto. Atos 18:18 Mas Paulo, havendo permanecido ali ainda muitos dias, por fim, despedindo-se dos irmãos, navegou para a Síria, levando em sua companhia Priscila e Áquila, depois de ter raspado a cabeça em Cencréia, porque tomara voto. Como este voto também era permitido à mulher, começaram a aparecer, na igreja de Corinto, irmãs com as cabeças raspadas. Foi ai que Paulo disse ser indecente para a mulher tosquiar-se.
Tem muitos ensinadores de “Doutrinas”, que dizem que os homens que usam barba e bigode são pecados. Você acha que Deus colocaria um pecado crescendo todo dia bem debaixo do seu nariz? Nos costumes bíblicos, ficar sem barba era vergonhoso. Sabedor disso, enviou Davi mensageiros a encontrá-los, porque estavam sobremaneira envergonhados. Mandou o rei dizer-lhes: Deixai-vos estar em Jericó, até que vos torne a crescer a barba; e, então, vinde. 2 Samuel 10:5. Até mesmo os sacerdotes a usavam. Salmos 133:2 É como o óleo precioso sobre a cabeça, o qual desce para a barba, a barba de Arão, e desce para a gola de suas vestes. Portanto fique tranqüilo; usar barba e bigode não é e nunca foi pecado.
Todas as pessoas que ficam presas na questão de usos e costumes, não fazem outra coisa a não ser brigar por aquilo que as torna forçosamente diferentes pelos seus padrões externos da religião, criadas pelo próprio homem, e são esses que nunca experimentaram na realidade o novo nascimento em Cristo Jesus. Cristo nos fez diferentes na sua morte e ressurreição, por isso eu não preciso ficar me esforçando para ser um crente religioso e cansado. Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Mateus 11:28. Não podemos rejeitar a este convite jamais!
Pr. Cláudio Morandi

Um comentário:

  1. Nos vários qudros do século XVI, os europeus já apareciam usando algo muito parecido com uma calsa comprida e as mulheres longos vestidos. Havia uma diferença muito grande entre as roupas de ambos os sexo então a inforação do irmão sobre o surgimento da calsa comprida não procede; pois não foi inventa na França no século XIX, mas modernizada.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário